Em formação

Cogumelos: Solitário Amanita (Bull.) S cr.

Cogumelos: Solitário Amanita (Bull.) S cr.


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Classe: Basidiomicetos
Nome científico: Amanita strobiliformis (Vitt.) Quélet
Sinônimos: Amanita solitaria (Bull.) Sécr. - Hypophyllum pellitum - Amanita Boudieri - Agaricus strobiliformis, Agaricus solitarius
Nomes vulgares: Amanita solitaria - Tignosa campestre com uma raiz grande.

Características morfológicas

Chapéu: 6-18 cm, cutícula esbranquiçada quase esférica a plana, úmida, adornada com grandes verrugas piramidais acinzentadas.
Brânquias: branco denso.
Haste: 6-25 x 1,5-3,5, branco, sólido, coberto de flocos com um anel flexível e fugaz. Base bulbosa e escamosa, com volva aderente e decídua.
Carne: branco e firme, sabor agradável e cheiro insignificante.
esporo: branco.

Amanita strobiliformis (Vitt.) Quélet (foto Arturo Baglivo www.actafungorum.org)

Comestibilidade, habitat e observações

Relação com o ambiente da planta circundante: cogumelo simbionte. Pouco difundida, cresce nas áreas ensolaradas das florestas decíduas, em solo calcário, no verão.
Bom comestível, a ser consumido após a remoção da cutícula com sabor de terra. Difere deAmanita ovoidea para a volva com uma raiz principal não envolvente.


Vídeo: Amanita gemmata (Pode 2022).