Em formação

Raças de frango: Sumatra

Raças de frango: Sumatra

Origem, difusão e características econômicas

Raça asiática bastante rara (não muito prolífica), originária da ilha de Sumatra (Indonésia).
Por seu comportamento agressivo, ela também é conhecida como Sumatra Fighter.
É criado para exposição, graças à sua forma graciosa e à bela plumagem preta com reflexos metálicos esverdeados.
Carne branca e casca de ovo branca.

Características morfológicas

A variedade típica tem um casaco preto com reflexos metálicos esverdeados; outras variedades são pretas com capa dourada e selvagens.
Cabeça com crista composta de ervilha.
Bico curto e preto. Wattles quase ausentes.
Abdome largo e costas.
Cauda larga, transportada horizontalmente. Canetas de comprimento excepcional.
Pernas médias e escuras.
Peso médio:
- Galos 2,0 - 2,5 kg
- Galinhas 1,75 - 2,25 kg

Galo da raça Sumatra

Galinha Sumatra

Padrão da raça - FIAV

I - GERALIDADES

Origem
Raça muito antiga originária das Ilhas Sunda; importados da América do Norte para a Europa em 1882.

Ovo
Peso mínimo 53 g.
Cor da carcaça: branco ou amarelado

Anel
Galo: 18
Galinha: 16

II - TIPO E ENDEREÇOS PARA A SELEÇÃO
Frango de tamanho médio com uma forma que lembra o faisão, com formas finas com uma tipologia que tende à do lutador; de estatura média e postura levemente inclinada posteriormente; plumagem abundante e cauda bastante longa, com penas o mais largas e largas possível.

III - PADRÃO
Aparência e características gerais da raça

1- FORMULÁRIO
Tronco: alongado e cilíndrico; poderoso.
Cabeça: testa pequena e larga; sobrancelhas pronunciadas, ligeiramente salientes.
Bico: curto, poderoso e preto.
Olhos: íris marrom o mais escuro possível, sem, no entanto, atingir um uniris preto. Mais escuro na galinha.
Crista: em forma de ervilha, vermelho com tons enegrecidos; pequeno e bem implantado. Mais escuro na galinha.
Bargigli: muito curto; o ideal recém-desenvolvido, que permite ver a garganta nua; vermelho escuro a enegrecido.
Rosto: enegrecido; adornado com penas pequenas e finas. Mais escuro na galinha.
Caxumba: pouco desenvolvida e fina; vermelho escuro a enegrecido.
Pescoço: comprimento médio e ricamente emplumado; transportado vertical; lanceolada muito larga.
Ombros: ligeiramente proeminentes.
Dorso: comprimento médio e levemente inclinado. Garupa bastante longa com muitas largas e lanceoladas.
Asas: fechadas, bem fechadas ao corpo e altas vazões.
Cauda: ricamente emplumada; foices longas e o mais largo possível, com raquis duras e que se curvam apenas no segundo semestre; presença de numerosas foices pequenas e médias; faixa horizontal, mas sem esfregar o chão. Na galinha mais estreita e mais longa possível; capacidade horizontal com timoneiro e abrigos muito amplos.
Peito: largo e ligeiramente elevado.
Pernas: pernas de comprimento médio; poderoso. Tarso de comprimento médio com flocos finos; cor verde-oliva escura até preto-esverdeado, com sola amarelada do pé; esporas múltiplas: também permitidas na galinha. Dedos de comprimento médio.
Barriga: alta e subdesenvolvida.

2 - PESOS
GALO: Kg. 2.0 - 2.5
HEN: Kg. 1,75 - 2,25

Faltas graves: corpo muito curto, estreito ou grosseiro. Cauda exageradamente longa e rastejante; plumagem muito macia ou ruim; rosto vermelho claro; tarso claro; sola do pé branca ou rosa.

3 - PLUMAGEM
Conformação: longa, larga e rígida.

IV - CORES

PRETO
GALO e GALLINA
Preto profundo com fortes reflexos em verde escaravelho.
Defeitos graves: ausência de reflexos verdes.

PRETO COM CABO DOURADO
GALLO e GALLINA
Cor de fundo preto intensa com fortes reflexos em verde escaravelho. No galo capa vermelha ou algum lanceolato vermelho. Mais ou menos vermelho nos pequenos abrigos das asas e nas costas. Na cabeça da galinha e capa com vermelho misturado e visível. Um pouco de vermelho na plumagem do peito é tolerado. Casaco preto puro.
Defeitos graves: ausência de reflexos verdes.

SELVAGEM
GALO
Cabeça marrom escura. Cabo e garupa marrom-vermelha com chamas negras. Ombros, abrigos de asas pequenas e costas marrom-avermelhadas escuras. Remiges pretos primários. Remiges secundários pretos com borda externa marrom que forma o triângulo da asa. Bandas de asa e cauda preta com reflexos verdes. Peito, barriga e pernas pretas.
GALINHA
Plumagem da cabeça quase preta. Capa enegrecida com bordas estreitas marrom-avermelhadas. Plumagem do pêlo marrom com raquis leves, borda de penas pretas e reflexos verdes muito grossos com salpicos pretos. Peito de salmão até castanho. Barriga e pernas cinza-preto. Timoneiro preto.
Defeitos graves: cor fortemente incorreta; ausência do triângulo da asa no pau.


Vídeo: Fomos conhecer um criador em Paula Cândido, veja que aves LINDAS! (Dezembro 2021).